Sábado, 19 de Setembro de 2020
(11) 94702-3664 Whatsapp

Preenchimento labial permanente exige mais atenção de médicos

Uma das grandes preocupações das pacientes ao submeterem-se a intervenção para aumento dos lábios é quanto a possíveis reações alérgicas

Por Redação GuarulhosWeb

05 de Junho de 2008

O cirurgião plástico Daniel Rufatto alerta que as reações podem acontecer sim, mas só em casos de pacientes que já têm sensibilidade a esse tipo de material. "Quando o paciente opta por fazer o preenchimento permanente, é importante realizar um teste alérgico antes, pois são materiais sintéticos que podem ser rejeitados pelo organismo. Também tomamos cuidados com os materiais a base de colágeno, que não são indicados para pacientes com doenças auto-imunes", alertou o médico.

Em curto prazo, a cirurgiã Edith Kawano Horibe orienta que as pacientes que passaram pelo procedimento de preenchimento labial utilizem bolsa de gelo para diminuir o inchaço e tomem os medicamentos indicados para essa finalidade. "Também orientamos os pacientes a não ingerir álcool e evitar exposição ao sol. Em longo prazo, os cuidados para a manutenção são os mesmos para os cuidados preventivos ao anti-envelhecimento, pois o processo continua", finalizou Edith.

Satisfação pessoal - Aos 72 anos, a aposentada Nair da Silva João, tomou uma atitude corajosa e decidiu aumentar os lábios. Ela conta que optou pelo procedimento permanente pois, já que era para fazer, que fosse definitivo. "Tinha emagrecido muito e acabei ficando com a pele flácida, pois o rosto também ficou magrinho. Então a médica sugeriu que eu fizesse o preenchimento no rosto e, para ficar uniforme, os lábios também deveriam ser preenchidos. Adorei o resultado, pois sou muito vaidosa e é ótimo chegar em algum lugar e receber elogios das pessoas. Me sinto muito mais jovem, mais feliz", contou Nair.

Quem também decidiu mudar o visual foi a estudante Renata Ribeiro, de 23 anos, que fez o preenchimento no início do ano. Ela explica que resolveu fazer o procedimento pois sempre achou os lábios muito finos e gostaria que ficassem mais carnudos. Ao contrário de Nair, Renata optou pelo preenchimento temporário, pois achou que seria melhor fazer o teste antes. "Como não sabia como ficaria o definitivo, preferi colocar o temporário e, se gostasse faria o definitivo. O resultado ficou perfeito, volumoso do jeito que eu queria, tanto o lábio superior quanto o inferior. Quando me olhava no espelho não ficava satisfeita com o que via, mas hoje me sinto muito mais bonita, mais jovem, mais feliz", comemora Renata.