Terça Feira, 04 de Agosto de 2020
(11) 94702-3664 Whatsapp

World Athletics ameaça Rússia com expulsão, se dívida não for paga até dia 15

atletismo; doping; Rússia; World Athletics

Por Redação GuarulhosWeb

30 de Julho de 2020 as 14:15

A World Athletics (anteriormente chamada de Federação Internacional de Atletismo) deu até dia 15 para que a Federação Russa de Atletismo (ARAF, na sigla em russo) pague uma dívida de US$ 6,3 milhões (cerca de R$ 32,5 milhões), além de apresentar um roteiro para o sistema antidoping e reformas em sua direção.

Caso o pagamento não seja feito, a Rússia será expulsa da entidade e todos os atletas russos serão proibidos de competirem internacionalmente, mesmo com o uso de bandeira neutra.

A Federação Russa foi multada em US$ 10 milhões em março, com metade dessa quantia suspensa.

Sua antiga liderança foi acusada de fornecer documentos médicos forjados para dar como álibi para o atleta Danil Lysenko, que não realizou um exame antidoping, em 2017.

A ARAF disse em março que tentaria pagar, mas não cumpriu o primeiro prazo de 1º de julho, ao alegar na última segunda-feira que não tem renda desde dezembro e não conseguiu atrair financiamento externo.

O ministério russo não confirmou imediatamente a oferta de pagamento e não esclareceu se algum financiamento viria de fundos do governo ou de outra fonte.

Na segunda-feira, o presidente da Federação Russa de Atletismo, Yevgeny Yurchenko, anunciou a sua demissão do cargo após a entidade não ter pago a multa.

A federação está suspensa desde 2015 por causa de um escândalo de doping generalizado no país.